sexta-feira, 14 de outubro de 2016

EPITÁFIO ARITMÉTICO

Como seria um epitáfio de um eminente matemático? Dá-lhe pesquisa! Ufa! Achamos. Consta dos anais que havia em um cemitério de Corinto um tumulo com os seguintes dizeres: - Caminhante, Detém-te! Aqui jaz Diofanto(Diophantus). Ele próprio te dirá quanto durou sua vida. Para quem não sabe, Diofanto de Alexandria foi o primeiro grego conhecido a usar os métodos da álgebra, que provavelmente aprendeu com os egípcios. Aplicou-os principalmente na resolução de equações, indeterminadas. Segundo algumas fontes, Diofanto parece ter vivido entre 150 a.C e 250 d.C. ( as datas exatas são desconhecidas), embora a mais recente aparenta ser mais provável. Sua juventude encheu a sexta parte dessa vida, sua adolescência a duodécimo do número de seus anos. Casou-se passada a sétima parte e teve um filho cinco anos depois. Perdeu-o desgraçadamente quanto tinha a metade da idade de seu pai e sobreviveu-lhe apenas 4 anos. Que idade tinha Diofanto? Com certeza, para um simples andarilho, mesmo com conhecimentos rudimentares de aritmética, fosse problemática achar a quantidade de anos que viveu Diofanto; todavia, par os leitores do Almanaque Info isso, como dizem, “é sopa no mel”…risos Não é mesmo? Claro… a resposta correta, para o visitante curioso, seria: 84 anos Como chegamos ao resultado? x/6 + x/12 + x/7 +5+ x/2+4 = x x= 84 Como diria o mestre TRAJANO: CQD, ou simplesmente “Como queríamos demonstrar” Juventude= 14 anos adolescência= 7 anos casamento= 12 anos nascimento do filho= 5 anos O filho morreu quanto tinha a metade da idade de Diofanto= 42 anos Diofanto morreu depois de 4 anos= 4 anos Total que viveu Diofanto= 84 anos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.